Visitar uma ilha proibida

Se a aventura é o seu forte, de certeza que já quis ir a lugares onde não lhe era permitido. Niihau vai entrar na sua lista assim que a conheça. É uma ilha do Havai onde não é permitido fazer turismo de forma espontânea, mas existem maneiras de a visitar.

A ilha é propriedade da família Robinson desde o século XIX, quando foi comprada ao Rei Kamehameha V, com a promessa de que os novos proprietários respeitariam os residentes, a sua cultura e o seu estilo de vida, assim como a proteção da ilha. Desde então, a ilha tem sido administrada pelos herdeiros dos Robinson.

Mas como é que Niihau fica conhecida como “Ilha Proibida”? A resposta é simples e muito pouco envolta em mistério. Na década de 50, uma epidemia de poliomielite atingiu o estado do Havai, pelo que os administradores proibiram as entradas e saídas da ilha para prevenir e resguardar a população nativa de Niihau. Mistério desfeito.

No entanto, por ser uma ilha privada, as visitas precisam sempre de autorização expressa dos donos, ou seja, os Robinson, que começaram a permitir visitas regulares à ilha, através de viagens de helicóptero e safaris de caça. Assim, os turistas podem aproveitar a praia de Niihau, cujo areal é repleto de conchas ou partir numa aventura pelo bosque e caçar.

A fama de ilha proibida continua a despertar imensa curiosidade em torno de Niihau. Se for de de férias ao Havai, que tal visitar Niihau? O melhor é ir já pedindo autorização aos Robinson!